Mapeamento do parque cafeeiro de MG é destaque da Expocafé 2018

POR EQUIPE CAFÉPOINT:

Este ano, a Emater-MG participará novamente da Expocafé, feira promovida pela Empresa de Pesquisa e Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), que acontece de 16 a 18 de maio, em Três Pontas, Sul de Minas Gerais.

Com diversas atividades e apresentações de novas tecnologias, um dos destaques desta edição é a apresentação do parque cafeeiro de Minas Gerais, que foi concluído este ano. No estado, o mapeamento dos cafezais começou em 2016 e terminou em março de 2018.

O processo contou com levantamento da área plantada em 451 municípios produtores de café através do uso de imagens de satélite. Foram recolhidas informações precisas sobre o tamanho e a distribuição geográfica da produção de café no estado.

Validados em campo por extensionistas da Emater-MG, os dados serão disponibilizados por meio do Geoportal do Café. A plataforma reunirá dados socioeconômicos para subsidiar políticas públicas e investimentos privados de toda a cadeia produtiva do setor.

“Com o aperfeiçoamento da metodologia de mapeamento e a agregação de outras informações, como a recorrência de doenças, pragas e eventos climáticos, será cada vez mais possível obter informações qualificadas para aprimoramento da gestão do setor cafeeiro”, disse Edson Logato, coordenador estadual de Planejamento e Gestão da Emater-MG.

A ação é do Governo de Minas Gerais, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Empresa de Assistência Técnica de Minas Gerais (Emater-MG), Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) e Fundação João Pinheiro. Conta ainda com a parceria da Companhia Nacional de Abastecimento e Embrapa.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Você deve ser Logado para deixar um comentário.