Café: Cotações do arábica operam com leve baixa nesta manhã de 2ª em NY após ganhos da semana passada

por Notícias Agrícolas:

As cotações futuras do café arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) operam com queda próxima de 50 pontos nesta manhã de segunda-feira (13) após registrarem alta acumulada de mais de 2% na semana passda. O mercado se acomoda tecnicamente, mas operadores ainda seguem de olho na safra 2018/19 do Brasil e também acompanham dados decepcionantes de exportação no país.

Por volta das 08h15 (horário de Brasília), o contrato dezembro/17 estava cotado a 127,10 cents/lb com queda de 45 pontos, o março/18 caía 45 pontos, a 130,45 cents/lb. O contrato maio/18 operava com recuo de 45 pontos e estava sendo negociado a 132,70 cents/lb e o julho/18 tinha desvalorização de 30 pontos, cotado a 135,20 cents/lb.

Segundo Shawn Hackett, presidente da Hackett Financial Advisors, o Brasil, deverá colher na próxima temporada entre 55 e 57 milhões de sacas de 60 kg, o que fica abaixo das expectativas anteriores de 60 milhões a 62 milhões. Isso deve ocorrer, segundo o analista de mercado, por conta do clima quente e seco no país. As informações são da Reuters internacional.

No Brasil, por volta das 09h15, o tipo 6 duro era negociado a R$ 455,00 a saca de 60 kg em Espírito Santo do Pinhal (SP) – estável, em Guaxupé (MG) os preços também seguiam estáveis a R$ 463,00 a saca e em Poços de Caldas (MG) estavam sendo cotados a R$ 460,00 a saca. Poucos negócios são registrados no mercado interno brasileiro.

Comentários estão fechados.